Resposta do SEBRAE

Em um post anterior eu falei sobre o "Desafio SEBRAE" não permitir outro Browser que não fosse o IE. Pois bem, enviei um email ao SEBRAE com a seguinte pergunta:

——————————————————————————————-

Comentário: Porque o SEBRAE sendo uma instituição que apoia o desenvolvimento do conhecimento não permite que pessoas que não usam o Browser Internet Explorer não participem do desafio sebrae como consta nesse link http://www.desafio.sebrae.com.br/Script/SbrAvisoIE.asp

——————————————————————————————-

Responderam-me o seguinte:

——————————————————————————————-

resposta técnica Nº 914/2006 …. Senhor Christiano Milfont Agradecemos por seu contato on-line e respondendo à sua solicitação, informamos que o site do Desafio Sebrae é produzido pelo Sebrae Nacional e compete a eles solucionar esse tipo de questão. O browser Internet Explorer foi adotado por ser mais largamente utilizado pelos usuários. Sua reclamação deve ser encaminhada ao seguinte endereço: http://www.desafio.sebrae.com.br/Script/SbrFaleConosco.asp. Atenciosamente XXXXXXXXXX

——————————————————————————————-

Então enviei um email ao "fale conosco" sugerido:

——————————————————————————————-

Bom dia, gostaria de saber porque os usuários de outros browsers que não sejam o Internet Explorer (software proprietário da Microsoft e exclusivo a sistema windows e Mac) estão impossibilitados de participar do desafio sebrae? Eu uso linux e como navegador o Firefox, porque o Sebrae uma entidade que promove o conhecimento e desenvolvimento não conseguiu fazer um site cross-browser? Sei que as inscrições já passaram mas essa dúvida me fez entrar em contato com voces. Agradeço a atenção.

——————————————————————————————-

Eis que em pouco tempo me respondem:

——————————————————————————————-

Prezado Christiano, Você tem razão quanto ao site. Estamos encminhando seus comentários para a área de desenvolvimento. Atenciosamente, Equipe Desafio SEBRAE

——————————————————————————————-

Não aceito essa frase "O browser Internet Explorer foi adotado por ser mais largamente utilizado pelos usuários." sem justificativa por meio de números, eu participei de um desafio desses em 2001 ou 2002, não lembro bem, mas hoje mesmo que isso seja verdade eu gostaria de justificativa com um relatório mostrando que sou insignificante e não mereço participar do evento. Há tempos temos ferramentas na web que medem o tráfego e dão estatisticas precisas sobre qual a versão do navegador visitante, isso não é desculpa. E mesmo que isso seja verdade, continuo minha pergunta: como uma instituição que diz fomentar o conhecimento como o SEBRAE vai na contra-mão e discrimina os usuários de outros navegadores que não sejam o IE?

Métricas web com Google Analytics

Ontem configurei minha conta no serviço do Google Analytics. São muitos dados, muito bem coberto, serviço de primeira, mais uma dentro do Google!
Fatos engraçados, ahhh… primeiro gostaria de agradecer meu público fiel que é exorbitante, não sabia que voces eram tantos, sim, voces cinco(5), me emocionaram 🙂
Agora vamos aos detalhes, todos os 5 usam a mesma resolução “1024×768”, o mesmo browser e SO “Firefox 1.5.0.4 – Windows XP”, todos com java ativado, enfim, até pensei que ele estava pegando somente meus dados, porque todos coincidem com os meus, só tive a certeza que eram pessoas distintas mesmo porque as versões de flash deram diferentes, eu uso a 8.0r22 e teve a 9.0 r16 e 8.0 r24, ufa!
Conclusão: Preciso me socializar mais, arrumar amigos em outras áreas, claro que esses dados só representam uma parcela da população… geeks matando trabalho! 🙂

Incompetência ou oportunismo marketeiro?

Ao ler o blog do Henrique Pereira, vi esse post dele sobre esse absurdo que o SEBRAE publicou.
Ao observar atentamente depois de passar a fase do espanto, observamos que a empresa que criou esse site é parceira da MS chamada Marlin.
Fica uma pergunta no ar, essa empresa fez de propósito por ser parceira da MS e obviamente privilegiar os produtos da parceria ou por pura incompentência por não conseguir fazer um site cross-browser?
Ainda gostaria de lançar outra pergunta bem oportuna, o que diz o SEBRAE sobre isso já que ele espera “inovação” e “agilidade” dos candidatos?
Ao restringir a participação de um candidato por questões de ferramentas que não fazem parte do processo de avaliação da disputa o SEBRAE perdeu totalmente o rumo, imagina com é a própria avaliação para escolher os melhores profissionais.
Fazer um site cross hoje não é complicado e é o mínimo que se espera de um PROFISSIONAL, não acredito que uma empresa que ostenta títulos no front de seu site seja incapaz de dispor de profissionais capazes de tal façanha, então só me resta acreditar que seja má fé e que a empresa esteja se aproveitando do SEBRAE que inexplicavelmente não tomou uma atitude contra tal absurdo.
Alguem aqui tem contato com o SEBRAE?